(11) 9.7465-0738  –  (11) 4056-5999

Itens de higiene pessoal com baixo impacto ambiental

A relação entre consumo de itens de higiene pessoal com a exploração de recursos naturais, é uma questão que cada vez mais gera preocupado para as indústrias desse segmento. 

Recentemente, a Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou um balance que afirma que 80% de todo o lixo marinho é composto por plástico. Já no Brasil, o Ministério do Meio Ambiente, mostrou em um relatório que um quinto dos resíduos é composto por embalagens de cosméticos (o que traduzido em números, dá um total de 25 mil toneladas de materiais).

Pensando na forma como as pessoas desenvolvem os seus hábitos de consumo de produtos de higiene pessoal, e em como é possível melhorar a produção de lixo e descarte desses materiais, vale a pena conferir abaixo alguns itens que sustentavelmente promovem um impacto menor para o meio ambiente.

Algodão

Item indispensável no retoque de maquiagem e limpeza de pele, o algodão é uma das fibras que mais necessita do uso de substâncias tóxicas em sua cultivação. Para se ter uma ideia, os números apontam que estão em 24% de todos inseticidas e 11% de todos os pesticidas, o que acaba gerando um forte impacto tanto no solo como na água.

Como forma alternativa de uso, é possível dar uma chance para utilização de ecopads, que são pequenos materiais feitos em crochê, que podem ser utilizados mais de uma vez e realizam a limpeza da pele com a mesma eficiência e cuidado. Além desta opção, é possível abandonar o uso de algodão substituindo-o por toalhas de rosto – que podem ser usadas por muito tempo até perder sua utilidade.

Shampoo e Condicionador

O uso de shampoos e condicionadores, é uma questão de preocupação ambiental já de algum tempo. Afinal, a utilização dos produtos acarreta diversos problemas não só pela composição química (que será transportada pelo sistema de esgoto até contaminar rios e lagos), como também pelo descarte de incorreto de embalagens.

A alternativa para este caso, está em aderir o uso de marcas que priorizam o conceito de sustentabilidade na formulação de seus produtos. Para alguns tratamentos específicos, é possível substituir o uso desses produtos por receitas naturais, que você pode fazer na sua própria casa.

Escova de dente

Falando de um item básico na higiene pessoal diariamente, a escova de dente tem uma relação bastante exigente com os seus consumidores. Até porque, profissionais da área da saúde bucal recomendam que o material seja trocado a cada três meses de utilização por uma nova unidade.

Para diminuir a produção de resíduos que afetarão a natureza e demorarão, em média, 500 anos até se decompor, a melhor opção escolha pode ser utilizar uma escova de dente ecológica. Existem modelos 100% biodegradáveis, feitos em bambu, que após o seu uso podem ser plantados. Além disso, a decomposição deste tipo de material é de somente 30 anos, o que representa uma redução de 94% do tempo que demoraria com modelos tradicionais.

Categorias