(11) 9.7465-0738  –  (11) 4056-5999

Ingredientes nocivos em produtos de beleza

Ftalatos, Quaternium-15, Propileno Glicol…. Complicado, não? Leia mais e descubra o que são e onde estes ingredientes estão

São nomes complicados, longos e difíceis de entender. Mas alguns nomes dos rótulos de produtos de beleza não são realmente indicados para a saúde do nosso corpo e até mesmo do meio ambiente. Vamos traduzir para que, quando ler o rótulo, saiba se é bom ou não.

Ingredientes nocivos a se evitar

– Oxibenzona: este é um ingrediente usado em alguns protetores solares maior que 30, labiais e em alguns cosméticos, como esmaltes, cremes antirrugas, spray de cabelo, shampoo, BB creams etc. Pode causar envelhecimento precoce, câncer e até mesmo deixar a pele desprotegida (o que não é o objetivo).

– Lauril sulfato de sódio: desde 1997, a Organização Mundial de Saúde alerta para os problemas que esta substância pode causar, sendo tóxica para organismos aquáticos. E todos sabemos que a quantidade de resíduos que acabam em nossos mares…

– Ftalatos: este é um grupo de substâncias químicas que fazem mal ao nosso sistema endócrino, o que pode causar danos no desenvolvimento reprodutivos e neurológicos. Um estudo feito pela Universidade de Maryland também destacou que pode causar anormalidades no sistema reprodutor e fertilidade masculinas, além de descobrirem uma ligação entre partos prematuros e endometriose em mulheres.

ingredientes nocivos

– Quaternium-15: esta é uma substância bem comum na composição em máscaras de cílios, pó compacto e delineadores. Pode causar câncer e irritação na pele.

– Parabeno: este é um ingrediente é considerado pela European Commission on Endocrine Disruption como uma substância de Categoria 1, que interfere na função hormonal. Também interfere no sistema imunológico, reprodutor e nervoso.

– Propileno Glicol: foi idealizado para ser um tipo de glicerina vegetal com álcool de cereais, dois elementos naturais. Porém, quando saiu do papel… Reações alérgicas, urticária e eczemas são alguns dos efeitos colaterais desta substância. Se no rótulo estiver PEG (polietileno glicol) ou PPG (polipropileno glicol) fique atento: são produtos sintéticos totalmente iguais.

Categorias